Prova de vida assegura pagamento de benefícios previdenciários

Aposentados e pensionistas que não fizeram o recadastro precisam regularizar situação para evitar que benefício seja suspenso

Para evitar fraudes no sistema previdenciário, o Instituto Nacional da Seguridade Social (INSS) torna obrigatória a realização da prova de vida de aposentados e pensionistas que recebem benefícios pelo órgão.

publicidade

Quem tem valores depositados em conta corrente, poupança ou via cartão magnético e não faz a comprovação tem o pagamento suspenso. Para fazer a prova de vida basta comparecer ao banco onde o benefício é creditado e apresentar um documento de identidade com foto.

Algumas instituições financeiras já fazem o procedimento em terminais de autoatendimento por meio de um sistema biométrico. Com isso, o segurado, que já comprovou que está vivo, recebe uma nova senha de acesso ao sistema do INSS.

Se o beneficiário tiver dificuldades de locomoção ou estiver no exterior, pode fazer a comprovação por meio de procuração.

Comentários
Compartilhe