CPFL disponibiliza diversas formas para pagamento de débito em atraso 

Após o término do prazo determinado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) para a suspensão do corte de energia de clientes residenciais, rurais e de atividades consideradas essenciais, as distribuidoras de energia voltam a ter possibilidade de interromper o fornecimento por falta de pagamento em todo o território nacional, com exceção dos clientes cadastrados na Tarifa Social (Baixa Renda), que estão isentos de corte de energia por inadimplência até o final do ano.

A data para retomada dos cortes determinado pela ANEEL é 1º de agosto, sendo o primeiro dia útil para início dessa atividade, dia 3 de agosto. Para evitar a suspensão do fornecimento de energia, a CPFL Paulista traz condições de pagamento diferenciadas dentro dos seus canais digitais e orienta que os clientes mantenham as contas em dia.

publicidade

Entre as novidades de pagamento apresentadas pela distribuidora, está o parcelamento por meio do cartão de crédito e boleto em até 12x, a parceria com a empresa PicPay, que oferece um bônus (cashback) de 10% do valor da conta (durante o mês de julho), pagamento via Auxílio Emergencial e pagamento da fatura mensal por meio de cartão de crédito.

Confira as condições de pagamento:

Pagamento via Auxílio Emergencial:

Por meio do cartão de débito virtual para quem recebe o Auxílio Emergencial do governo federal foi incorporada às opções de pagamento da distribuidora em seu site e App “CPFL Energia”. Usando o cartão do Auxílio Emergencial, é possível quitar as faturas correntes ou até mesmo débitos vencidos no valor de no máximo R$ 1,2 mil.

Pagamento via PicPay:

Os clientes que realizarem o pagamento da conta durante o mês de julho por meio desse APP, receberão 10% do valor da conta como bônus dentro do PicPay (com limite de até 15 reais).

Parcelamento de contas em atraso.

Os clientes que estiverem com uma ou mais contas em atraso também podem pagar e parcelar o crédito em aberto em até doze vezes nos cartões de crédito Mastercard e Visa e também via boleto. Essa condição é exclusiva para pagamentos via canais digitais e é válida para um valor entre R$ 150 a R$ 18 mil em contas atrasadas.

Canais Digitais:

Basta acessar www.cpfl.com.br  ou baixar o aplicativo ‘CPFL Energia’ no smartphone ou tablet.

A segunda via das faturas também pode ser solicitada por SMS, por meio do número que consta na fatura e os demais serviços podem ser realizados pelo Call Center de cada distribuidora do grupo CPFL.

Desde maio, todos os clientes da CPFL podem acessar o aplicativo para smartphones “CPFL Energia” com navegação gratuita, ou seja, sem gastar seu pacote de dados. O benefício, válido para todas as operadoras de telefonia Claro, Vivo, Oi e Tim, tem como objetivo facilitar o uso da tecnologia pelos clientes principalmente durante esse momento de isolamento social.

Atendimento via WhatsApp.

Por meio do número (19) 3795-1705, os clientes podem comunicar falta de energia na sua residência, solicitar segunda via de conta, solicitar o código de barras e tirar

Comentários
Compartilhe